Mudanças no Uso da Terra a Partir da Expansão do Cultivo da Cana-de-Açúcar na Região Oeste do Estado de São Paulo

Autores

Palavras-chave:

Cana-de-açúcar. Expansão. Shift-share. Uso da terra

Resumo

O Brasil é o maior produtor de cana-de-açúcar e apresenta elevada competitividade na produção do etanol. O lançamento dos veículos flex fuel, em 2003, propiciou uma nova fase de expansão do cultivo dessa cultura, principalmente no estado de São Paulo. Contudo, esse processo não ocorreu de forma homogênea em todo o território estadual, sendo muito mais expressivo na região Oeste Paulista. Nesse contexto, este estudo tem por objetivo analisar as mudanças no uso da terra na região Oeste Paulista, no período entre 2003 e 2018, provocadas pela expansão do cultivo de cana-de-açúcar. Para tanto, utiliza-se o modelo shift-share, que, por meio da decomposição da variação das áreas, possibilita calcular os efeitos escala e substituição das principais atividades em análise. Os resultados sugerem conflito no uso da terra entre a cana-de-açúcar e as culturas já instaladas, principalmente a soja, borracha e amendoim e que a expansão canavieira na região foi impulsionada, principalmente, pela substituição de culturas como o milho, frutas, feijão, café, trigo e arroz, e, também pela incorporação de áreas de pastagens, consequentemente, da atividade pecuária bovina.

Biografia do Autor

Ivana Sayuri Kodama, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)

Graduanda em Administração pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp). Campus de Tupã/SP. Bolsista em Iniciação Científica PIBIC (2019)

Wagner Luiz Lourenzani, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp)

Doutor em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Professor da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp).

Publicado

2021-07-14

Como Citar

Kodama, I. S., & Lourenzani, W. L. (2021). Mudanças no Uso da Terra a Partir da Expansão do Cultivo da Cana-de-Açúcar na Região Oeste do Estado de São Paulo. Desenvolvimento Em Questão, 19(55). Recuperado de https://revistas.unijui.edu.br/index.php/desenvolvimentoemquestao/article/view/10754