As Percepções dos Atores Locais sobre o Biogás no Oeste do Paraná

  • Udo Strassburg Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste)
  • Nilton Marques de Oliveira Universidade Federal do Tocantins - UFT
  • Weimar Freire da Rocha Junior Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste),Toledo
Palavras-chave: Biogás, Oeste do Paraná, Desenvolvimento Regional.

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar as percepções dos atores locais sobre o biogás no Oeste do Paraná. A análise foi feita pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). O aporte teórico se sustenta nos conceitos de instituições e organizações. Os principais resultados da pesquisa sugerem que o sistema agroindustrial do biogás no Oeste do Paraná possui boas perspectivas na produção, transformação e comercialização do biogás. Foi observado que existem grandes desafios no biogás, como: falta de políticas públicas, o setor apresenta dispersão de união entre os produtores de biogás, poucos investimentos em tecnologia e baixos incentivos fiscais. O SAG do Biogás do Oeste do Paraná está apenas em seu início, mas tem um grande potencial para atuação nesta área, devido ao grande plantel de suínos que possui. Poderá ser um importante agente para a produção de energia renovável. O que está faltando são instituições fortes, articulação social e política, para que a economia deste setor possa estar forte e pujante, aproveitando os dejetos que possuem um grande potencial de poluição para transformar em energia renovável, contribuindo para a sustentabilidade energética de nosso país.

Biografia do Autor

Udo Strassburg, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste)

Doutor em Desenvolvimento Regional e Agronegócio pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste). Professor da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste).

Graduado em Ciências Contábeis - Unioeste - 1987

Especialização em Controladoria e Gerência Financeira - Unioeste - 1998

Mestrado em Controladoria e Contabilidade Estratégica - FECAP - SP - 2001

Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio - UNIOESTE - 2016

Nilton Marques de Oliveira, Universidade Federal do Tocantins - UFT

Professor do Curso de Economia da Universidade Federal do Tocantins

Professor do Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional da Universodade Federal do Tocantins

Graduado em Economia pela Universidade Estadual de Maringá 

Mestado em Economia pela Universidade Federal de Viçosa - MG

Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio pela UNIOESTE - PR

Weimar Freire da Rocha Junior, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste),Toledo

Professor da Graduação em Economia na Unioeste - Toledo PR

Professor no Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Toledo - PR

 Engenheiro Agronomo pela Universidade Federal de Lavras MG

Mestre em Economia Agrária pela USP

Doutor em Engenharia da Produção pela Universidade Federal de Santa Catariana

Publicado
2020-01-02
Como Citar
Strassburg, U., Oliveira, N., & Rocha Junior, W. (2020). As Percepções dos Atores Locais sobre o Biogás no Oeste do Paraná. Desenvolvimento Em Questão, 18(50), 287-307. https://doi.org/10.21527/2237-6453.2020.50.287-307
Seção
Artigos