A PRÁTICA DE UM PROGRAMA PREVENTIVO MELHORA A CAPACIDADE FUNCIONAL DE MEMBROS INFERIORES EM ATLETAS

  • Nadine Castro Portuguez UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • Simone Lara UNIPAMPA
  • Lilian Pinto Teixeira UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • Vinícius Jardim Oliano UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
Palavras-chave: Esportes, Atletas, Lesões esportivas, Fatores de risco.

Resumo

O objetivo desse estudo foi analisar os efeitos de um programa preventivo sobre a capacidade funcional de membros inferiores em atletas jovens de handebol feminino. Este estudo experimental incluiu uma amostra por conveniência de 17 atletas com idade de 12 a 16 anos, integrantes de um time de handebol feminino amador. As jovens foram divididas em dois grupos, sendo, o grupo intervenção (GI), integrando as atletas que praticaram o programa preventivo associado ao treino regular do handebol (n=9), e o grupo controle (GC), cujas jovens praticaram apenas o treinamento esportivo na equipe (n=8). Foi aplicado um questionário inicial, mensurado os dados antropométricos e a capacidade funcional dos membros inferiores foi avaliada através do Single Leg Hop Test, Timed Hop Test e Side Hop Test. O programa consistiu de aproximadamente 20 minutos de exercícios de aquecimento, força, agilidade e pliometria e equilíbrio, antes do treino regular do esporte, duas vezes por semana, durante oito semanas, totalizando 16 sessões. O GI apresentou melhorias significativas pós-intervenção em todos os testes realizados (p<0,05), em ambos os membros inferiores, diferentes do GC, no qual os resultados foram mais limitados. Oito semanas de treinamento de um programa preventivo melhorou significativamente a capacidade funcional de jovens atletas de handebol feminino, indicando que este tipo de intervenção é capaz de modificar positivamente os fatores de risco para o desenvolvimento de lesões de membros inferiores destas atletas.

Biografia do Autor

Nadine Castro Portuguez, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

 Fisioterapeuta, Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), Campus Uruguaiana/RS, BR 472, KM 592, 97508-000, Brasil, CX Postal 118,

Simone Lara, UNIPAMPA

doutora em educação em ciências, mestre em fisiologia humana, docente do curso de fisioterapia da Universidade Federal do Pampa, UNIPAMPA/RS.

Lilian Pinto Teixeira, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Fisioterapeuta do curso de Fisioterapia, UNIPAMPA, Campus Uruguaiana/RS, BR 472, KM 592, 97508-000, Brasil, CX Postal 118

Vinícius Jardim Oliano, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Fisioterapeuta e Especialista em atividade física e saúde, Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA), Campus Uruguaiana, Rio Grande do Sul (RS), Brasil.

Publicado
2020-11-04
Como Citar
PortuguezN., LaraS., TeixeiraL., & OlianoV. (2020). A PRÁTICA DE UM PROGRAMA PREVENTIVO MELHORA A CAPACIDADE FUNCIONAL DE MEMBROS INFERIORES EM ATLETAS. Revista Contexto & Saúde, 20(40), 85-93. https://doi.org/10.21527/2176-7114.2020.40.85-93
Seção
Exercício Físico & Saúde