DIABETES MELLITUS TIPO 1: PERFIL GLICÊMICO E CONSUMO ALIMENTAR EM UM AMBULATÓRIO DE NUTRIÇÃO PEDIÁTRICA

  • Thais Marini da Rosa
  • Sandra Costa Valle Universidade Federal de Pelotas
  • Camila Irigonhé Ramos Universidade Federal de Pelotas
Palavras-chave: diabetes mellitus, consumo de alimentos, crianças, adolescentes

Resumo

Objetivo: investigar o perfil glicêmico e o consumo alimentar de crianças e adolescentes assistidos em um ambulatório de nutrição pediátrica do Sistema Único de Saúde do sul do Brasil. Métodos: estudo longitudinal, com dados de controle glicêmico coletados dos prontuários de saúde, na consulta inicial e final. O consumo alimentar foi avaliado após a realização de dois recordatórios de 24 horas aplicados durante a semana, incluindo a segunda-feira. Resultados: verificou-se que os parâmetros de controle glicêmico mostraram melhora no período de acompanhamento. O consumo dos principais grupos alimentares fonte de carboidratos foi adequado às recomendações vigentes. Entretanto, o consumo do grupo das carnes foi excessivo e o das frutas, dos legumes e verduras foi insuficiente. Conclusão: Após o período de acompanhamento o perfil glicêmico mostrou melhora em crianças e adolescentes com diabetes mellitus tipo 1. O consumo alimentar foi caracterizado pela adequação de porções de alimentos fonte de açúcares, excesso de porções carnes e ovos e quantidade insuficiente de frutas, dos legumes e verduras.

Publicado
2019-12-17
Como Citar
da Rosa, T., Valle, S., & Ramos, C. (2019). DIABETES MELLITUS TIPO 1: PERFIL GLICÊMICO E CONSUMO ALIMENTAR EM UM AMBULATÓRIO DE NUTRIÇÃO PEDIÁTRICA. Revista Contexto & Saúde, 19(37), 171-177. https://doi.org/10.21527/2176-7114.2019.37.171-177
Seção
Epidemiologia: Saúde e Sociedade