ANOITECE NA CIDADE: DILEMAS E DESAFIOS DO ENSINO MÉDIO NOTURNO EM TEMPOS DE REFORMA

  • Willian Simões Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Adriana Maria Andreis Universidade Federal da Fronteira Sul

Resumo

Neste artigo, debatemos os resultados de uma pesquisa com estudantes (1913), professores (103) e gestores (48) do Ensino Médio (EM) noturno, de escolas públicas estaduais de Chapecó/SC. O objetivo é refletir acerca de dilemas e desafios do Ensino Médio Noturno, em particular, de fatores que influenciam direta ou indiretamente nos índices de evasão/abandono e repetência por parte dos estudantes. Metodologicamente, compreende um diálogo entre referenciais teóricos, especialmente, da área da Educação com os dados empíricos resultantes da pesquisa. Organizamos o texto enfocando a contextualização da problemática, a singularidade do estudo no EM noturno, a relação entre realidade expressada e as reformas educacionais, e encaminhamos apontando questões para debate. A pesquisa indica a necessidade de investimento em formação continuada de gestores e professores, assim como para a melhoria de infraestrutura das escolas, considerando a relação juventude-escola, gestores-professores-jovens, escola-comunidade. Sinaliza, também, que no enfrentamento dos dilemas vividos, a saída não é linear e nem aligeirada por decreto-lei, sob pena de desvio da função educativa, inclusiva e emancipatória, da escola.

Publicado
2019-08-30
Como Citar
Simões, W., & Andreis, A. (2019). ANOITECE NA CIDADE: DILEMAS E DESAFIOS DO ENSINO MÉDIO NOTURNO EM TEMPOS DE REFORMA. Revista Contexto & Educação, 34(109), 215-233. https://doi.org/10.21527/2179-1309.2019.109.215-233