FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UMA ANÁLISE DE PLANOS DE AULA DIVULGADOS NA REVISTA NOVA ESCOLA

Palavras-chave: Formação de professores; proposta pedagógica, plano de aula; Estatística

Resumo

A formação docente nos cursos de licenciatura, demanda tanto o estudo de conceitos científicos das disciplinas em que irão se especializar, quanto os pedagógicos, com enfoque na preparação à docência e nos processos de organização do ensino e da aprendizagem. Diante disso, objetivamos apresentar uma proposta pedagógica desenvolvida durante o estágio docente da primeira autora, no qual buscamos estimular 31 acadêmicos, do curso de Licenciatura em Matemática de uma Universidade do Rio Grande do Sul, a analisarem planos de aula para o ensino de Estatística divulgados na revista Nova Escola. A partir desta análise os acadêmicos puderam sintetizar e refletir sobre algumas potencialidades e limitações apresentadas nos planos de aula, as quais podem dificultar ou contribuir com o trabalho docente, tais como: a articulação dos conteúdos com as orientações estabelecidas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC); a necessidade de considerarmos o conhecimento prévio dos estudantes; a importância de estabelecermos uma previsão das dificuldades que poderão surgir na aula; o pouco tempo planejado para o desenvolvimento das atividades; a falta de contextualização dos conteúdos com a realidade dos estudantes;  e a importância da elaboração e da revisão dos planos para que possa orientar qualquer professor que deseje aplicá-lo.

Biografia do Autor

Mauren Porciúncula da Silva, UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG

Dra. Mauren Porciúncula é professora Associada da Universidade Federal do Rio Grande - FURG. Foi fundadora do Núcleo de Educação Estatística - NEE, implantado no Instituto de Matemática, Estatística e Física - IMEF, onde atua com Ensino de Graduação, Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão em Educação Estatística. É Líder do Grupo de Pesquisa em Educação Estatística - EduEst - FURG/CNPq desde a criação (2010) até hoje. Idealizou e implantou (2018) o Grupo Colaborativo de Formação de Professores em Educação Estatística - MoSaiCoEdu. É criadora e responsável pelo Laboratório de Estudos Cognitivos e Tecnologias na Educação Estatística - LabEst. Foi idealizadora (2011) e desde então coordenadora do Programa de Extensão Letramento Multimídia Estatístico - LeME, ganhador do Best Cooperative Project Award, da International Association for Statistical Education - IASE/ISI(2019). Idealizou e implantou a Sala da Aprendizagem da Estatística - SalAEst, finalista do prêmio Murilo Marques da Fundação Carlos Chagas (2017). Foi proponente do Projeto (2010) e é tutora do PET Conexões de Saberes Estatísticos - SabEst. Coordenadora da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP/RS-05. Foi coordenadora do Curso de Licenciatura em Matemática (2014-2018). Foi vice-coordenadora (2014-2017) e atua como membro do Grupo de Trabalho de Educação Estatística - GT-12, da Sociedade Brasileira de Educação Matemática - SBEM. É membro da Associação Brasileira de Educação Estatística - ABE, da Red Latinoamericana de Investigación en Educación Estadística - RELIEE e da International Association for Statistical Education - IASE. É Country Coordinator do International Statistical Literacy Project - ISLP no Brasil desde 2015. Editora da Educação Matemática em Revista SBEM-RS (1518-8221).

Publicado
2020-09-09
Como Citar
SilvaC., & da SilvaM. (2020). FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UMA ANÁLISE DE PLANOS DE AULA DIVULGADOS NA REVISTA NOVA ESCOLA. Revista Contexto & Educação, 35(112), 314-329. https://doi.org/10.21527/2179-1309.2020.112.314-329